segunda-feira, 15 de maio de 2017

Cara de pau ainda é pouco para o senador Edson Lobão…


Senador do PMDB é alvo de seis inquéritos da Lava Jato, um destes, investiga recebimento de R$ 5,5 milhões em propina para defender um interesse da Odebrecht.

Afirmação de Edson Lobão é uma afronta aos maranhenses…
“Sou o mais antigo, e não o mais velho, desta Casa: 32 anos de mandato. Não vou tentar a reeleição. É evidente que vou me reeleger”, frase de um dos políticos de mandatos mais atolado na Operação Lava Jato com sérios riscos de perder a função pública e ainda ser preso.
Este é o senador Edson Lobão, do PMDB-MA, que teve a audácia de no final de semana fazer a afirmação acima. Segundo o maranhense, ele será candidato à reeleição em 2018 e não tem dúvida que se reelegerá.
É mole?!
O ex-ministro do governo Lula e Dilma é apontado por vários delatores com beneficiários do esquema de corrupção que quebrou a Petrobras. Atual presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, o peemedebista recebeu 5,5 milhões de reais em propina para defender um interesse específico da Odebrecht no setor de energia. A informação consta de delações premiadas de ex-executivos da Odebrecht homologadas pelo ministro Edison Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF).
Com 80 anos, Edison Lobão está no quarto mandato no Senado, não se tem notícia de que tenha prestado algum tipo de serviço ao Maranhão no Congresso Nacional. Pelo contrário, nos envergonha ao se vê no olho do furacão que está levando para cadeia ladrões do dinheiro do povo.
Por outra vertente, a afirmação pode ser apenas uma brincadeira de mal gosto…
DomingosCosta

Nenhum comentário:

Postar um comentário