quinta-feira, 4 de maio de 2017

Polícia Civil desbarata esquema de lavagem de dinheiro em postos de combustível de São Luís e prende envolvidos



Entre os presos o empresário Pacovan


A Polícia Civil do Maranhão descobriu um esquema de lavagem de dinheiro em postos de gasolina da região metropolitana de São Luís com movimentação que passa de R$ 100 milhões. 22 mandados de prisão estão em execução nas cidades de São Luís, Itapecuru e Zé Doca na Operação Jenga, deflagrada nesta quinta-feira (4).

De acordo com informações apuradas pelo blog, 16 pessoas já foram presas, entre as quais o empresário e agiota Josival Cavalcante da Silva, conhecido como Pacovan.

A suspeita é que a quadrilha comandada por Pacovan atuava na lavagem de dinheiro de esquemas de corrupção em prefeituras.

60 caminhões foram apreendidos. Os veículos eram a garantia que o agiota recolhia. O agiota emprestava o dinheiro e pedia do cliente um caminhão como garantia. Seis postos de combustível ligados à quadrilha foram interditados. A investigação da Polícia durou cerca de um ano.
JohnCutrim




Nenhum comentário:

Postar um comentário