segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Ex-Mister Maranhão morre em acidente de carro próximo a Santa Inês


Clismen Cardoso foi encontrado sem vida pela equipe do Corpo de Bombeiros.A ponte onde aconteceu o acidente está localizada no “trecho da morte”.
Gilberto Lima - O engenheiro civil Clismen Cardoso, ex-Mister Maranhão, morreu em um acidente de carro durante a madrugada deste domingo (25).
Clismen estava voltando de uma festa quando seu automóvel caiu da ponte na rodovia que liga as cidades de Santa Inês e Pindaré. 
O veículo caiu em uma área alagada. O corpo do jovem foi resgatado por uma equipe do Corpo de Bombeiros.
Clismen Cardoso se formou recentemente em Engenharia Civil na Universidade CEUMA.A ponte onde o acidente aconteceu está localizada no conhecido “trecho da morte”, por conta de uma curva perigosa que já causou inúmeros acidentes.
Já foram feitas promessas para duplicação da estrada, mas até o momento nenhuma obra foi iniciada. Os acidentes com vítimas continuam ocorrendo com frequência no local.
Amigos Lamentam morte de Clismen
Daniel Soares, um dos amigos de Clismen Cardoso, escreveu, no facebook:
A perda de um amigo é a prova mais dolorosa que o Espírito enfrenta em sua breve passagem pela Terra. Como entender um fato que parece fechar todas as portas à esperança? Conviver sem a presença física de quem tanto estimamos?
Controlar a saudade dos mínimos gestos? Saudade essa que ao contrário do que dizem, parece aumentar com o tempo.Como suportar a voz que se calou trazendo um terrível silêncio? E o que fazer para conter as lágrimas diante das fotografias de um passado que não retorna?
Manter a confiança torna-se tarefa complicada quando o futuro nos parece tão incerto. Sim, e que o Senhor Jesus segure nossas mãos nesse momento tão complicado, que com sua infinita bondade, enxugará nossas lágrimas, permitindo que nossos olhos enxerguem outros horizontes.
Que o Senhor Jesus conforte sua família meu amigo Clismen Cardoso o meu eterno JAPA.Marcos Vinnicius, sentindo-se triste, escreveu:  
Ainda tô sem acreditar que você partiu meu japa nordestino Clismen Cardoso, quero lembrar de você como era em vida um amigo, companheiro, brincalhão muito prestativo, de coração bom sem nenhuma maldade sempre que a gente se via fazia você toma uma dose de cana, tomava fazendo careta e me falava *marcos não sei como tu aguenta beber isso kkkkk lembro das trilhas que fazíamos junto são tantas lembranças que não da de fala td mais em fim tenho você aqui no coração nunca vo esquecer de você meu amigo VEI que agora estar no lar do senhor e que DEUS lhe bote em um bom lugar, fica aqui meus sentimentos a sua família.

Nenhum comentário:

Postar um comentário